Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

tirar do ar o site arquivojudicial.com

Para: policia federal

Site fraudulento e tendencioso!
Expõe dados sigilosos e pessoais da população brasileira.

O sitewww.arquivojudicial.comnão é um site oficial e não pertence ao governo.
O mesmo utiliza as cores e um dos símbolos da República Federativa do Brasil e a barra de ferramentas do governo, tentando se passar por um órgão oficial do governo do Brasil. Essa é apenas mais uma forma de camuflar o site no qual expõe processos judiciais de âmbito familiar bem como tantos outros sem a autorização dos órgãos oficiais, advogados e pessoas envolvidas. (Como obtiveram essas informações? )

Meu filho está desempregado. Diante de um de seus cursos, foi orientado, antes da confecção de um novo currículo, rastrear o nome completo no Google com aspas, ou melhor, entre aspas. Assim retornam os resultado apenas para o nome pretendido. Diante disto, se deparou com inúmeros links de processos jurídicos, além dos processos contra falhas de empresas prestadores de serviços telefônicos, encontrou também todos os processos sigilosos referente ao divórcio, incluindo nome completo, RG, número do processo e todo o resultado na íntegra. Guarda dos filhos, pensão alimentícia, etc. Processos de âmbito familiar deste tipo são particulares, cabendo apenas as partes, advogados, MPF e juízes. Sendo proibido a divulgação pública. Ao analisar o site, poderão encontrar diversos outros processos deste nível, bem como de outros níveis nos quais não deveriam estar expostos publicamente com acesso não apenas no Brasil mas também mundialmente.

Outros sites constavam os processos referente a falhas das prestadores de serviços telefônicos, dentre outros, porém, estes sites disponibilizam um link de contato e solicitação de exclusão dos dados e remoção dos nomes. Todos os outros sites atenderam as solicitações encaminhadas.

Já o site arquivojudicial.com inclui todos os processos na íntegra e não possui contato para solicitação de exclusão dos processos. (Um total descaso para com a população brasileira, fere a honra, a moral, a dignidade, gera preconceitos descabidos, insinuações sem provas, dúvidas equivocadas, julgamentos desnecessários, prejudica na busca de emprego, nos negócios, na carreira profissional, na vida familiar, enfim, pode acarretar uma série de problemas incluindo psicológicos, materiais e morais.)

O site fornece apenas o e-mail: support@topbusinessdata.com

Mas não responde aos pedidos realizados.

Ao efetuar uma pesquisa descobri inúmeras reclamações deste nível e detalhes nos quais irei repassar abaixo:

Para consultar o whois do site e entrar em contato com os serviços de domínio e hospedagem solicitando e-mail para contato do proprietário responsável pelo site ou a exclusão dos dados, basta digitar no Google:

whois arquivojudicial.com

Ou colocarem o link neste site: https://whois.domaintools.com

O resultado diz que o servidor é: mikrovps.hu (MikroVPS Kft. - https://www.mikrovps.hu/)
que fica em Budapest - Hungria (Hungary) - União Européia

Logo na União Européia onde a lei é rígida, são contra publicações de dados pessoais e exposição de nomes na internet, onde reforçaram essas leis quando criaram "O Direito De Ser Esquecido" ("right to be forgotten") Site oficial: https://forget.me/ Lei essa que deveria existir no mundo inteiro, um exemplo a ser seguido e espero fielmente que os poucos (raros) políticos que se importam com a população, possam trazer essa lei para o Brasil.

Infelizmente, não consta e-mail para contato no whois do site, apenas: contact@privacyprotect.org
Uma empresa para camuflar(ocultar) os dados do proprietário. Ao enviar um e-mail neste endereço fornecido no whois, enviam como resposta ao nosso e-mail, um link pedindo para entrarmos no link do site e preencher um questionário que assim irão encaminhar a reclamação/pedido/e-mail ao proprietário responsável pelo site. Mas ao efetuar esse procedimento, retorna a mensagem de que o site não está mais prestando serviços ao domínio relatado. No mesmo site (privacyprotect.org) fornecem também um outro campo para reportar abuso, no qual também efetuei várias tentativas mas não respondem e não resolvem, o whois continua errado e/ou camuflado e nenhum órgão responsável retorna as solicitações.
Venho tentando por mais de 6 meses, por isso, reuni todas as pesquisas, informações e dados após uma longa e vasta pesquisa sobre os sites em questão com o intuito de ajudar a todos que estão em busca de informações e juntos pedirmos as nossas autoridades para retirarem o site buscaoficial.com (bem como outros semelhantes) do ar.

Os dados do site em questão (arquivojudicial.com) podem estar errados, já que são camuflados através de proxy, VPN, utilizam domínio internacional, uma sucessão de medidas para ficarem anônimos e dificultar tanto a localização quanto o contato com os mesmos. De acordo com o Whois, o servidor também é internacional. Mas o banco de dados é brasileiro, os dados são dos cidadãos brasileiros. Autoridades conseguem a localização oficial, bem como os dados do(s) proprietário(s) e o pedido para exclusão do banco de dados e remoção do domínio por completo, mesmo que tenham que contatar a justiça internacional.



Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
7 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar