Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

NÃO AO BIOTÉRIO DE MACACOS NO PARÁ, NO BRASIL E NO MUNDO!!!

Para: Câmara dos Deputados/Congresso Nacional

Senhores Deputados, Senadores, Ministros e Governo Federal!!!
Os testes em animais precisam ser extintos! O mundo não pode mais conceber a perpetuação destas atrocidades!!! De todos os bilhões de animais cruelmente sacrificados até hoje em testes científicos, nem 6% sequer chegaram à experimentação humana e, desses, nem 1% foram aproveitados!!!!! CONTABILIDADE MACABRA QUE PRECISA ACABAR!!!

NÃO à ampliação do BIOTÉRIO DE MACACOS NO PARÁ - Levilândia, Ananindeua/PA

ASSINE PELO FIM DOS TESTES EM ANIMAIS NO BRASIL E NO MUNDO!!!! CHEGA DE TORTURA!!!

VAMOS FICAR CALADOS ????????? Este governo está em parceria com outros países. Continuamos sendo a "colônia" que agora faz os testes - já proibidos lá fora -. Com a ampliação dos biotérios, este País passa a ser berçário de infelizes cobaias primatas cujo destino não é outro que não seja o sofrimento das experimentações. Vírus, Bactérias e Fungos com que os animais serão contaminados.

Uma engrenagem muito bem elaborada e um comércio que rende milhões a cada entidade (federal ou estadual, dependendo do país) é a criação de animais para testes em laboratório. Sim, você já sabe que os animais usados para testes não são aqueles que se proliferam nas ruas sem nenhum cuidado ou amparo de leis e governos. São raças específicas, como os Beagles, para cães e os Wistar (ratinhos brancos). Os criadouros são chamados de biotérios e multiplicam, além das espécies específicas, também gerações e gerações de animais modificados geneticamente. Várias gerações já determinadas a nascer com certa doença, por exemplo, para facilitar os estudos.

Só a FIOCRUZ, no Rio, "produz" 170 mil ratos Wistar por ano o que equivale a 50 toneladas; valor de venda 15 reais cada = R$ 1.550.000,00 (um milhão e meio) ao ano, só no comércio de ratos comuns. Se encomendados para já apresentar alguma sintomatologia, os valores variam muito. Fora todas as outras espécies desenvolvidas nos biotérios: macacos, coelhos, cães, gatos, ovelhas são os principais. Trata-se de um comércio gigantesco, onde os animais são adquiridos por unidade e em uma realidade onde não existe controle e fiscalização para saber EM QUE são utilizados, PARA QUAL fim e POR QUANTO tempo. E, especialmente, DE QUE maneira!

Animais tem suas cordas vocais cortadas para que o seus gritos de dor não "incomodem" os pesquisadores-torturadores!!! Animais são presos durante meses, sendo obrigados a sofrer com produtos químicos dolorosos em seus corpos, amarrados, sem chance alguma de se defender.

NÃO A TODOS OS BIOTÉRIOS!!! SIM AOS MÉTODOS SUBSTITUTIVOS!!!

Endereço das Torturas no Pará: Instituto Evandro Chagas - CENP Endereço: Rodovia Br 316, Km 7 S/n - Levilândia - Ananindeua (PA) Edital do Ministério da Saúde da Dilma gastando nosso dinheiro nisso: PROCESSO N° 25208.000592/2013-97 EDITAL DA TOMADA DE PREÇOS 001/2014



Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
3.862 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar