Petição Pública Brasil Logotipo
Ver Abaixo-Assinado Apoie este Abaixo-Assinado. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Abaixo-assinado Eu apoio a manutenção da Casa/Sítio dos Dominicanos em Juiz de Fora.

Para: Província Frei Bartolomeu de Las Casas

Juiz de Fora, 15 de setembro de 2011


Estimado(a),

Venho por meio desta mensagem, relatar o que acontecerá em janeiro de 2012 e solicitar o seu empenho para descobrir caminhos novos para a realidade concreta que se apresenta. Como você sabe, os dominicanos em Juiz de Fora estão cada vez com menos frades na casa/sítio localizada no bairro Serro Azul/São Pedro. Atualmente são dois frades os moradores do sítio. Recentemente, dia 7 de setembro, as fraternidades leigas dominicanas estiveram reunindas com o provincial, frei Edmilson. Fomos informados das muitas dificuldades da província e a tentativa de vitalizar algumas comunidades, de modo especial as que têm a formação de novos frades como objetivo de nossas constituições.

Sabemos que os dominicanos viveram um período de pressão durante a ditadura empresarial-militar instalada no Brasil a partir de 1964. Isso, aliado a outros problemas internos, possibilitaram a diminuição de vocações dominicanas para frades, freiras e monjas. É bem verdade que o pluralismo religioso e o secularismo podem ter também influenciado a migração e a retirada desta opção de vida. Assim, como você tem mais condição de análise, saberá fazer uma melhor configuração do que acontece.

O fato é que, na conversa das fraternidades dominicanas com o provincial dominicano, ponderei que a casa pudesse ficar aberta de forma dominicana e isso implicaria que a provincia não vendesse o imóvel. Minha proposta foi a de envolver os diversos Movimentos Sociais, Populares, Eclesiais, Estudantis e Sindicais na defesa e manutenção da casa e, assim, garantindo a presença do espírito dominicano em Juiz de Fora.

Uma casa simples, macro ecumênica, de encontro e formação na linha das CEB's. E é por isso que estou listando os nomes de referência em nossa cidade e região, potenciais apoiadores deste projeto. Tenho dialogado com alguns grupos e provocando a animação de alguns e poucos apresentam desânimo pela idade avançada, embora exortem que teríamos que fazer algo. Segundo o próprio frei Edmilson, existem algumas possibilidades e a nossa proposta será levada em conta, uma vez que demonstrou animação com a possibilidade de existir um projeto de revitalização, manutenção e ocupação do sítio que abrigou o celeiro da Escola Apostólica e vários militantes procurados pelo regime de exceção instalados no Brasil.

É portanto, uma "terra sagrada" a ser defendida e sua manutenção e objetivos cumprirão os mais relevantes serviços à uma nova sociabilidade. Gostaria que você pudesse contribuir para que possamos viabilizar o projeto. Ponderações e ideias serão bem vindas. Caso conheça outras pessoas que podem contribuir para o desenvolvimento deste projeto, peço que espalhe a proposta. Precisamos apresentar uma minuta ao Conselho da Província no final de outubro do corrente. No aguardo de sua manifestação e desejoso que a primavera apareça generosa por aqui, despeço-me com um fraternal abraço e uma epígrafe de Rosa Luxemburgo:

"Nada grandioso é feito sem paixão." (Rosa Luxemburgo)

Walber Meirelles Ladeira (32) 8856-9321



Qual a sua opinião?

O atual abaixo-assinado encontra-se alojado no site Petição Publica Brasil que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Brasileiros apoiarem as causas em que acreditam e criarem abaixos-assinados online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor do Abaixo-Assinado poderá fazê-lo através do seguinte link Contatar Autor
Já Assinaram
179 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine o Abaixo-Assinado.

Outros Abaixo-Assinados que podem interessar